Condenados da Terra

Cordão da Mentira 2015 – Condenados da Terra

 

Companheiros e companheiras,

É chegada a hora de mais um desfil&scracho. Primeiro de Abril, dia da mentira, dia de nossa luta. O Cordão da Mentira sairá às ruas com o tema Condenados da Terra. Na mentira do nosso cotidiano enterraram nossa memória e, com ela, os povos indígenas, negros e imigrantes; os corpos femininos, transexuais; a vida operária, sem-terra, sem-teto. Lembrar é dar voz e o trajeto de nosso Cordão promete traçar o passado destes condenados.

Personagens de uma mesma história sangram no pacto de luta contra uma ordem cada vez mais fascista. Em nome do desenvolvimento, se massacra; em nome da lei, se encarcera; em nome da cultura, se vende.

O Cordão volta às ruas para mostrar que não compactua com isso. Contra o mimimi fascista, a batucada do samba. Contra a governança desmedida, a memória de luta.

E que o Cordão seja o espaço de luta de vários guerreiros e guerreiras. Que venham as lutas indígenas! Que venha a libertação negra! Que venha a Pátria Grande e sua gente! Que venham os corpos livres! Ocupemos a cidade para transformar seus territórios!

No ano de 2015, convidamos a criatividade de vocês no trajeto do Cordão. Organizem suas alas! Façamos nossa trincheira contra a Mentira da História. Ouçamos as vozes dos condenados e condenadas da terra que ainda clamam por justiça, verdade e mudança num beco silencioso das ruas do Centro!

O cordão tem o seu espírito calcado na roda de samba, no seu rito, nas suas composições e na sua verdade. Verdade de um povo que canta contra a opressão. Contamos com todos os coletivos, militantes e artistas parceiros para mais uma vez construirmos nosso Cordão com paixão e com verdade.

As ruas são para lutar!

Cordão da Mentira

One comment

  1. Juliana disse:

    Um registro fotográfico sobre o Cordão da Mentira em 2015:
    https://fotosdajulioliv.wordpress.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*